“Se não tens dinheiro, é bom que não tenhas ideias”

Uma das coisas que mais me aborrece naqueles que defendem patentes, “propriedade intelectual” (o que quer que isso seja), copyright e afins é o argumento de que todos esses mecanismos protegem os autores e criadores. A única preocupação parece ser os “coitadinhos” dos autores, quando na realidade o que vemos mais são exemplos de como os autores e os criadores são explorados descaradamente, provando que esses sistemas, como estão hoje desenhados, não protegem os autores, mas sim grandes empresas.

Apple has finally admitted that a British man who left school at 15 is the inventor behind the iPod. – Mail Online

Em traços gerais, uma pessoa teve a ideia do iPod. Como não tinha dinheiro, não pode renovar a patente. Agora que a Apple está a ser processada por outra empresa, lá descobriu o senhor para provar que foi ele e não a empresa que a está a processar que teve a ideia do iPod.

É preciso ter uma grande lata! E o autor? Bem, o autor parece que nem dinheiro tem para comprar um iPod. Grande protecção de autores, criadores, inventores e afins, hein?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s